Morre Kazuo Koike, roteirista criador do Lobo Solitário


Morreu nessa quarta-feira aos 82, Kazuo Koike, que ficou conhecido por criar o icônico mangá “Lobo Solitário”.  A informação foi confirmada com uma mensagem em seu Twitter, que confirmou que ele estava internado com uma pneumonia. “Kazuo Koike, que estava hospitalizado por um longo tempo, morreu no dia 17 de abril, devido a uma pneumonia. Muito obrigado a todos que deram apoio. O funeral já foi realizado, apenas com parentes próximos, de acordo com a vontade dele”, diz a mensagem no Twitter.

Kazuo Koike nasceu em 1936 e começou a trabalhar com mangás nos anos 70. O autor chegou a ser assistente do mangaká Takao Saito, de Golgo 13, antes de se tornar parceiro do artista Goseki Kojima e os dois lançarem sua obra mais famosa Kozure Ōkami (Lobo Solitário), publicado entre 1970 e 1976 com 28 volumes. A obra ganhou uma continuação intitulada Shin Kozure Ōkami (Novo Lobo Solitário), que foi publicada entre 2003 a 2006, com autoria de Kazuo Koike e arte de Hideki Miri Mori,

O Logo Solitário, sua mais importante obra, foi ilustrador Goseki Kojima. Publicada pela primeira vez em 1970, a história foi adaptada em seis filmes estrelados por Tomisaburo Wakayama, quatro peças de teatro, uma série de televisão estrelado por Kinnosuke Yorozuya e é amplamente reconhecido como um trabalho importante e influente.

Lobo Solitário narra a história de Ogami Ittō, o carrasco do Shogun que usa uma espada de batalha dōtanuki. Desonrado por falsas acusações do clã Yagyū, ele é forçado a tomar o caminho do assassino. Junto com seu filho de três anos de idade, Daigorō, eles procuram vingança sobre o clã Yagyū.

No Brasil, a saga do Lobo Solitário começou a ser publicada em 1988, um ano depois do lançamento nos Estados Unidos, trazida pela editora Cedibra (em nove edições, todas em formato americano). Em 1990, a editora Nova Sampa começou a publicar o título.[1] Porém, em 1993, a publicação foi interrompida.

Mas no ano de 2005 a publicação foi retomada, desta vez pela Editora Panini, após um longo processo de aprovação.

Além de Lobo Solitário, Kazuo Koike e Goseki Kojima criaram os mangás Kubikiri Asa (Samurai Executor), em 10 Volumes (1972-1976), e Hanzo no Mon (O Caminho do Assassino), em 15 Volumes (1978-1984), sendo que o primeiro foi publicado no Brasil pela Panini, e o segundo ainda é inédito no Brasil.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta