Projeto inovador de quadrinhos digitais estreia com ficção sobre Segunda Guerra Mundial

“Protanopia” é um quadrinho multiação, animado e que o próprio leitor controla a partir de tablets e celulares. Aplicativo é gratuito.

“Protanopia” é o nome de um revolucionário projeto de quadrinhos digitais criado por Andre Bergs, um diretor de Bangkok, na Tailândia, que nos últimos seis meses se debruçou sobre o mundo dos quadrinhos e produziu um experimento que pode revolucionar a área.

Especializado em storytelling, Bergs combinou elementos de animação nos formatos 3D e 2D  em tempo real para criar um quadrinhos multiação, animado e que o próprio leitor controla com as mãos. O estilo é único e o tema dessa primeira experimentação é uma curta, fantasiosa e bem-humorada história sobre estratégia militar. O cenário é o episódio do “Dia-D” (1944), na Segunda Guerra Mundial, quando as tropas aliadas desembarcaram na Normandia. Prestes a desembarcar em uma praia da região, um dos soldados tem o que parece ser uma ideia genial para que ele e seus colegas soldados se tornem imperceptíveis aos olhos inimigos. A estratégia, contudo, acaba não funcionando exatamente como ele esperava.

O trabalho de Bergs tem sido muito bem recebido pela área da tecnologia e entre o grande público. O site Techristic sublinhou que “Protanopia é muito diferente de tudo o que se conhece e pode dar nova vida a uma indústria que, se não está fracassando, também não tem inovado muito”. Na App Store, a loja de aplicativos da Apple, onde “Protanopia” está disponível para download, há 120 avaliações, todas 5 estrelas, o número máximo da avaliação.

Por enquanto, “Protanopia” está disponível gratuitamente, mas apenas na App Store, ou seja, apenas usuários de iPhones e iPads podem conferir o aplicativo.

You may also like...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *